Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unifenas.br:8080/jspui/handle/jspui/71
Tipo do documento: Dissertação
Título: Respostas cicatricial e à ventilação mecânica de transplantes de traquéia autólogo e homógeno em coelhos
Autor: Guimarães, Roberto Salvador de Souza 
Primeiro orientador: Carvalho, João Batista Vieira
Primeiro membro da banca: Bazzano, Félix Carlos Ocariz
Segundo membro da banca: Navarro, Túlio Pinho
Resumo: O objetivo deste trabalho foi estudar o comportamento cicatricial e resposta à ventilação mecânica intra-operatória do segmento transplantado de traquéia (transplante autólogo e transplante homógeno segmentar total) em coelhos Não houve diferença estatística significativa pelo teste de Qui-quadrado (p<0,05) com relação à variação de peso entre os grupos estudados Observou-se porém uma maior perda de peso no Grupo II Com relação ao tempo de sobrevida pelo teste de Qui-quadrado (p<0,05) as médias foram consideradas estatisticamente diferentes entre si (tc = - 3,60) com a sobrevida apresentada pelos animais do grupo I maior que a sobrevida apresentada pelos animais do grupo II Na necroscopia direta e avaliação radiológica observou-se pelo teste Kruskall-wallis (p<0,05) que não houve diferença estatística significativa entre os grupos estudados Observaram-se complicações como estenose formação de granuloma e fístulas em ambos os grupos Com relação ao comportamento intra-operatório e resposta à ventilação mecânica pelo teste de Kruskall-wallis (p<0,05) não se observou diferença estatística significativa entre os Grupos I e II Tanto os animais do Grupo I como os do Grupo II apresentaram boa resistência à hiperpressão da ventilação mecânica intra-operatória Com relação aos resultados anatomopatológicos pelo teste de Kruscall-wallis (p<0,05) não se observou diferença estatística significativa entre os Grupos I e II Nos animais do Grupo I observou-se maior prevalência de granulomas metaplasia óssea necrose na região da anastomose fibroplasia reepitelização do enxerto infiltrado polimorfonuclear Reação inflamatória ocorreu de forma similar nos grupos e em todos os animais com predomínio de processo inflamatório crônico Cicatrização ocorreu com a mesma freqüência nos grupos Embora tenha sido possível observar uma reepitelização e a formação de processos inflamatórios tanto precoces quanto tardios nos grupos os animais com transplante autólogo apresentaram uma melhor evolução clínica com uma sobrevida maior que aqueles que receberam transplante homógeno
Abstract: The purpose of this paper was to study the cicatricial behavior and response to the intraoperatory mechanical ventilation of the transplanted segment of trachea (autologous and homologous transplant of the entire segment) in rabbits The Qui-square test showed no significant statistical difference between the groups studied However there was a higher weight loss in Group II With regard to survival time the Qui-square test (p<0.05) revealed that the averages were considered statistically different (tc = - 3.60) and survival of Group I was longer than that of Group II Direct necroscopy and radiological evaluation using the Kruskall-Wallis test (p<0.05) showed no statistical difference between the groups Complications such as stenosi formation of granulomas and fistulas were observed in both groups With regard to intraoperatory behavior and response to mechanical ventilation the Kruskall-Wallis test (p<0.05) showed no significant statistical difference between the Groups I and II Both groups exhibited good resistance to the high pressure of the intraoperatory mechanical ventilation Using the Kruskall-Wallis test no significant statistical differences was observed between the groups concerning the anatomopathological results In Group I there was a higher prevalence of granuloma bone metaplasia necrosis in the region of the anastomosis fibroplasia reepithelialization of the graft and polymorfonuclear infiltration Inflammatory reactions predominantly chronic were similar in both groups Cicatrization occurred with the same frequency in the both groups Reepitelization and early and late inflammatory reactions were observed in both groups but the animals with autologous transplant had a better clinical evolution and survived for a longer time than those which received a homologous transplant
Palavras-chave: Traquéia
Transplante
Ventilação
Cicatrização
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Jose do Rosario Vellano
Sigla da instituição: UNIFENAS
Departamento: Biofarmacologia e Pesquisa Experimental
Programa: Programa de Pós-Graduação em Saúde
Citação: GUIMARÃES, Roberto Salvador de Souza. Respostas cicatricial e à ventilação mecânica de transplantes de traquéia autólogo e homógeno em coelhos. 2006. 78 f. Dissertação (Mestrado em Biofarmacologia e Pesquisa Experimental) - Universidade Jose do Rosario Vellano, Alfenas, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unifenas.br:8080/jspui/handle/jspui/71
Data de defesa: 24-Nov-2006
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Saúde



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.