Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede2.unifenas.br:8080/jspui/handle/jspui/70
Tipo do documento: Dissertação
Título: Investigação do potencial mutagênico do extrato de frutos de Vaccinium corymbosum (mirtilo) em células do sangue periférico de camundongos Swiss in vivo
Título(s) alternativo(s): In vivo evaluation of the mutagenic potential of the Vaccinium corymbosum (blueberry) extract on peripheral blood cells of Swiss mice
Autor: Freitas, Patrícia Scotini 
Primeiro orientador: Maistro, Edison Luis
Primeiro membro da banca: Silva, José Maurício Schneedorf Ferreira da
Segundo membro da banca: Costa, Ana Maria Duarte Dias
Terceiro membro da banca: Salvadori, Daisy Maria Favero
Quarto membro da banca: Fiorini, João Evangelista
Resumo: Vaccinium corymbosum é um vegetal muito rico em antocianinas que tem uma grande capacidade antioxidante e outros potenciais benefícios à saúde e por este motivo é altamente utilizado no mundo inteiro como planta medicinal Neste trabalho foi analisado o potencial mutagênico da administração aguda do extrato bruto de frutos desta planta em células de camundongos utilizando o ensaio cometa e o teste do micronúcleo Os animais foram tratados oralmente com três diferentes concentrações do extrato (1000, 1500 e 2000 mg/kg de peso corporal) Células do sangue periférico de camundongos foram coletados 4 e 24 horas após o tratamento para a realização do ensaio cometa e 48 e 72 horas para o teste do micronúcleo Os resultados mostraram que o extrato de Vaccinium corymbosum não induziu aumentos estatisticamente significativos de danos ao ácido desoxirribonucléico nas células de sangue periférico Entretanto o teste do micronúcleo evidenciou um aumento significativo na média de eritrócitos policromáticos micronucleados nas três concentrações testadas Sugere-se que o consumo deste extrato seja moderado até que seu risco definitivo para os seres humanos seja melhor estabelecido
Abstract: Blueberry Vaccinium corymbosum is a vegetable very rich in anthocyanins which have strong antioxidant capacity and other potential health benefits and because of that is widely consumed in the world as medicinal plant In this work the mutagenic potential of the crude extract from this plant was studied in mice after acute treatment using the comet and micronucleus assay Animals were treated orally with three different concentrations of the extract (1000 1500 and 2000 mg/kg) Peripheral blood cells of Swiss mice were collected 4 and 24 hours after the treatment for the comet assay and 48 and 72 hours for the micronucleus test The results have shown that the extract of Vaccinium corymbosum did not induce statistically significant increases in the average number of damages to desoxyribonucleic acid in peripheral blood cells However a significant increase in the mean of the micronucleated polychromatic erythrocytes was observed at three tested doses It is suggested that its consumption could be moderate until a definitive risk for humans is established
Palavras-chave: Vaccinium corymbosum
micronúcleo
ensaio cometa
testes de mutagenicidade
Vaccinium corymbosum
micronuclei
comet assay
mutagenicity tests
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Jose do Rosario Vellano
Sigla da instituição: UNIFENAS
Departamento: Biofarmacologia e Pesquisa Experimental
Programa: Programa de Pós-Graduação em Saúde
Citação: FREITAS, Patrícia Scotini. In vivo evaluation of the mutagenic potential of the Vaccinium corymbosum (blueberry) extract on peripheral blood cells of Swiss mice. 2007. 92 f. Dissertação (Mestrado em Biofarmacologia e Pesquisa Experimental) - Universidade Jose do Rosario Vellano, Alfenas, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede2.unifenas.br:8080/jspui/handle/jspui/70
Data de defesa: 27-Apr-2007
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Saúde



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.